Terça-feira, 13 de Março de 2007
Como vai mal o humor em Portugal
Dá ideia que os Gato Fedorento não querem dar o golpe de misericórdia no seu antigo patrono, Herman José. Vai daí, andam a deixar escorregar o seu programa pela ladeira da auto-complacência e da preguiça. A última prestação da coisa foi penosa: falta de ritmo, graças pífias, uma espécie de sketch longuíssimo a glosar um assassínio real, e, horror dos horrores, uma... tuna!
Mas o Herman trocou-lhes as voltas. Conseguiu fazer pior. Muito, muito pior. O seu "Hora H" tenta cruzar o registo revisteiro com o humor falsamente sorumbático e ataráxico de séries como "Little Britain" ou "League of Gentlemen". Mas Royston Vasey continua a ser uma miragem longínqua. O último programa de Herman José foi acabrunhante de ver: gags falhados em catadupas, uma galeria de "bonecos" já vistos 30 vezes, realização fastidiosa, uma música de fundo irritante e despropositada, o registo histérico-repetitivo da maioria dos actores. E, abaixo de tudo, os textos, completamente desprovidos de qualquer resquício de graça ou de inteligência.
Devemos continuar a ser um país de poetas; que de cómicos não temos grande coisa.

tags: ,

publicado por Luis Rainha às 23:25
link do post | comentar | favorito
|

3 comentários:
De cris a 14 de Março de 2007 às 10:16
"Royston Vasey", não "valley". De resto, assino em baixo. :)


De Luis Rainha a 14 de Março de 2007 às 12:26
Engraçado. Tive dúvidas e fui procurar no Google: ao que parece dei com uma série de malta que cometeu o mesmo erro :-)
Obrigado. Tratarei de emendar a coisa.


De Anónimo a 23 de Abril de 2007 às 12:26
get a life!!!


Comentar post

Sustos recentes

Inté

Adivinha

O pirata do olho de vídeo

Mas será que a senhora es...

Inês Pedrosa perde o pé

As coisas são como são

UE PRETENTE IMPOR I2O Grs...

Manicomics

Some of my favourite thin...

A noite do morto vivo 31

É o povo, senhores (2)

A fórmula perdida

É o povo, senhores...

Um engenheiro debaixo de ...

O "nosso ilustre candidat...

Momento Espada da semana

0,31 da Armada

Great minds think nearly ...

Living in the past

Pronto, está bem, junto-m...

Pela Comarca de Guantanam...

Escondam lá a roupa suja,...

Apesar das ameaças de vet...

Publicidade dadá (3)

Publicidade dadá (2)

Literatura Socrática

Luis, pode falar-se de um...

Publicidade Dadá

Primeiro pensamento da be...

Como vai mal o humor em P...

O gap que nos faltava pre...

A vida social dos nossos ...

Manicomics

O título mais cómico do a...

CARICATURA#7

Sexware

Um novo sentido para "dan...

Espada e as "surpresas am...

Brinde da semana

Cocteau Twins — Wax and Wane
Ectoplasmas vários
Artiste du Jour
Antony Gormley
tags

todas as tags

pesquisar
 
subscrever feeds